Efeito suspensivo do TJD-SP libera Carneiro e Moisés para clássico entre São Paulo e Palmeiras

Segundo o presidente do tribunal, Antonio Assunção de Olim, conhecido como Delegado Olim, o novo julgamento de ambos, a ser realizado no Pleno, deverá ser agendado para 25 de março, na segunda-feira seguinte ao primeiro jogo das quartas de final.

Expulso por uma entrada dura em um jogador do RB Brasil, em fevereiro, Carneiro foi enquadrado no artigo que trata do “uso de força excessiva” e acabou punido com dois jogos de suspensão, um deles já cumprido automaticamente na rodada seguinte.

Moisés recebeu uma partida de gancho por ter se envolvido em confusão com Gustavo Henrique, no primeiro tempo do clássico contra o Santos. O rival, que lhe acertou um tapa no rosto, teve a mesma punição, o que desagradou o advogado do Palmeiras.

0
0